You are here

Share page with AddThis

Aranha-marrom: cuidados mesmo nos meses mais frios do ano

Saúde Pública
21.07.2020

Em épocas mais frias do ano, a incidência de pragas urbanas, principalmente insetos e aracnídeos, tende a ser menos perceptível. A aranha marrom, por exemplo, pode apresentar maior deslocamento durante épocas mais quentes, justamente em busca de temperaturas mais amenas, mas a infestação permanece ativa mesmo nos meses mais frios. Elas são resistentes a baixas temperaturas e os acidentes ainda podem ocorrer dentro das residências.

Como características gerais, este aracnídeo tem tamanho reduzido, atingindo cerca de 4 cm de diâmetro na fase adulta, e possui a coloração marrom e as pernas longas e finas. Além disso, tem grande capacidade de adaptação às variações climáticas, podendo suportar temperaturas entre 4°C e 40°C.

A picada da aranha-marrom geralmente não causa dor imediata, mas, com o tempo, o local pode apresentar queimação, vermelhidão, inchaço e coceira. Se não for tratada da maneira correta, pode provocar mal-estar, dores pelo corpo e até necrose. Por isso recomenda-se buscar atendimento médico assim que constatada a picada.

Métodos de prevenção

A aranha-marrom costuma se esconder em lugares escuros e secos. No interior das casas, fica atrás de quadros, armários, estantes, caixas e outros materiais que não são movimentados com frequência. Na área externa, vive debaixo de cascas de árvores, em folhas secas, buracos, telhas e tijolos empilhados, entre outros.

Os acidentes costumam acontecer quando o inseto se abriga em sapatos, lençóis, toalhas e roupas. Nesses casos, a pessoa pode comprimir a aranha contra a pele, sem perceber. Portanto, em cidades onde essa praga é comum, os moradores devem criar o hábito de observar roupas e calçados antes de vesti-los e checar as roupas de cama e banho com frequência.

Para reduzir a incidência de infestações por aranha-marrom, existem algumas ações preventivas:

  • Manter os ambientes limpos, sem entulhos e ventilados;
  • Eliminar frestas e buracos em paredes, portas, assoalhos e vãos entre o forro e paredes;
  • Manter limpos os jardins, aparando e cortando a vegetação excedente.

Demand CS no controle de aranha-marrom

Sempre em busca de soluções inovadoras e de alta tecnologia que protegem a saúde, a indústria e o lar, a Syngenta desenvolveu Demand CS, que também é indicado para o combate à aranha-marrom, além de diversas outras pragas rasteiras e voadoras. Conheça outros benefícios do inseticida:

  • Altamente efetivo contra a aranha-marrom e uma grande variedade de pragas;
  • Garante um maior rendimento e custo-benefício em sua versão mais concentrada (Demand 10 CS);
  • Possui exclusiva tecnologia iCAP®, com microcápsulas para o tratamento em diversas superfícies;
  • Odor reduzido;
  • Longo efeito residual, pois o princípio ativo encontra-se protegido dentro de microcápsulas com a exclusiva tecnologia iCap.

O controle da aranha-marrom pode ser realizado por meio da pulverização nas possíveis áreas de infestação. Lembrando que, para garantir a segurança do processo, a aplicação deve ser realizada por empresas e profissionais especializados em controle de pragas.

App Syngenta Soluções Urbanas

A Syngenta tem o compromisso de manter os profissionais que atuam no mercado de controle de pragas urbanas, sempre atualizados sobre as novidades do setor e as soluções mais assertivas.

Pensando nisso, desenvolveu o aplicativo Syngenta Soluções Urbanas, uma ferramenta útil e prática que traz informações relevantes para ajudar a promover o controle consciente de pragas. O aplicativo está disponível para Android e iOS. Baixe agora mesmo e confira todas as vantagens!

Saiba mais sobre as soluções da Syngenta, acessando o nosso portfólio de produtos, que possui as mais completas soluções integradas do mercado.